sexta-feira, 8 de maio de 2009

The Residents



A maior antibanda de todos os tempos existe e atende pelo nome de The residents! São esses doidões ai em cima.

Antibanda? Que é isso? O cara tá doido?

Calma que eu explico: como você, caro amigo, conceituaria um conjunto que o repertório são quase músicas( jingles, ruidos, gemidos e colagens) , seus componentes em 35 anos de carreira nunca tivessem mostrado o rosto(os caras só se apresentam mascarados), nunca concedem entrevistas(todos os pronunciamentos a respeito da banda é feito por uma tal de "The Cryptic Corporation", empresa que funciona como porta-voz do grupo) e não se sabe ao certo o número de membros que a banda tem( na maioria das vezes se apresentam com 4 pessoas, mas as vezes com mais ou menos).Não sei vocês, mas para mim o rótulo antibanda cai muito bem aqui.




Na biografia da banda tudo é suspeito. Não dá para saber o que é verdade ou invenção. Reza a lenda que início dos anos setenta, as" cabeças de olho" resolveram mandar uma fita demo para a Warner. Ela foi apenas com a inscrição "The Warner Bros Tape". A fita foi rejeitada e devolvida e endereçada "aos residentes", pois não havia mais nenhuma informação sobre quem tinha feito aquilo. Daí surgiu o nome da banda "The Residents".

Um outro dado biográfico duvidoso é a adesão a "Teoria da Obuscuridade", filosofia de um tal de N. Senada(especula-se que seja uma corruptela para "en si nada"?). O tal tratado dizia que um artista só pode mostrar seu trabalho quando este está livre de qualquer pressão externa ou mercadológica e já estiver esquecido do que fez!!



Com dificuldades para poduzirem seus álbuns(por que será, hein?), os Residents fundaram uma gravadora própria, a Ralph Records e lançaram 40 discos nesses 35 anos de carreira.

Todas essas exentricidades e bizarrices passaria batido se o material dos residents não fosse relevante. Com uma tremenda capacidade de ironizar e paroridiar a música pop, buscando substrato nas vanguardas musicais, pricipalmente na música concreta e na minimalista, criaram alguns dos melhores discos da história da antimúsica.

Além do lado musical, os Residents trabalham muito bem o lado visual. Seus shows, vídeo-clips e lançamentos multi-midias, são verdadeiras obras de arte. Sempre com um pé no bizzaro e no misterioso, cuja obra-prima são os one-minute movies, que fazem parte do "Commeciall album".



Discografia selecionada:
"Meet the Residents", o primeiro lp da banda lançado em 1974. Os Residents sempre tiveram uma relação de amor e ódio com os Beatles, fizeram covers ora destriundo ora homenageando suas músicas, em seu disco de estreia, sacaneiam os quatro de liverpool na capa, distorcendo suas imagens.


"The Third Reich 'n' Roll" de 1976 tem apenas duas músicas, com cerca de dezessete minutos "Swastikas On Parade" e "Hitler Was A Vegetarian" em cada uma delas, várias clássicos do rock são sobrepostos e colados sem nenhuma organização ou coerência aparente. A capa do disco tinha uma ator pesonificando Hitler segurando uma cenoura


Em 1979 lançaram "Eskimó", um álbum conceitual baseado na cultura do povo qua habita o Polo Norte. O disco é o mais bizarro já feito! Aqui o conceito de quase música funciona bem. Entre as faixas ouve-se o vento gélido e forte do polo. Ouvem-se tambores primais tocados por eskimós. Uma mulher chora e sussura perturbadoramente e no Gran Finale, na última faixa, uma voz distorcida soltam um "Coca-Cola is Great".


O "Commercial Album" de 1980 parte da seguinte premissa: A estrutura de uma música pop é composta por duas partes, a estrofe e o refrão. a estrofe e o refrão geralmente se repetem 3 vezes durante uma música de 3 minutos, desse modo uma música pop é composta apenas por um minuto de música. Assim, os cabeças de olho, fizeram um disco com quarenta músicas pop com aproximadamente um minuto cada. Todas as musicas lembram jingles publicitários.
"King and Eye" de 1989 regrava alguns dos sucessos de Elvis Presley como "Love me Tender" , "Blue Suede Shoes" e Don´t be a Cruel", é claro que com a marca dos residents.


The Residents - One Minute Movies



The Residents - Being for the Benefit of Mr. Kite!

2 comentários:

  1. Eu devo ser o maior fã dos globos oculares, já os vi duas vezes uma em Lsboa e outra fui a Espanha.....
    parabens pelo teu blog

    ResponderExcluir
  2. Hummmm...lembrei:a banda do clip do homenzinho amarelo...
    Dançar com a Gigia é a melhor parte da aventura!rsrsrs

    beijos,meu amado!

    ResponderExcluir